Detecção de Gás Equipamentos Produtos

Detector multigases para ar respirável XAR8000

28 nov 16 Por Claudinei Machado 0 comentários
Detector multigases ar respirável

Detector multigases para ar respirável XAR8000

O detector multigases para ar respirável XAR8000 foi desenvolvido para análise dos padrões de ar respirável em uma fonte de ar comprimido gerada por compressores ou cilindros de alta pressão (sistema de cascata).

Segue abaixo um vídeo de apresentação do XAR8000:

 

 

 Gases Tóxicos

Em uma planta industrial a geração de gases tóxicos pode ou não ser uma situação desejada. A amônia, por exemplo, é um excelente gás refrigerante e um composto básico na produção de fertilizantes e alguns produtos de limpeza, porém quando produzido de maneira indesejada ou sem controle pode se tornar um sério risco à saúde. Na tabela abaixo tem outros gases tóxicos perigosos e muito presentes nas plantas industriais, seus limites de exposição e fórmula molecular:

Nome do gás

Fórmula Molecular

Limite Ocupacional[1](NR15)

Nível IPVS

Amônia

NH3

20

300

Monóxido de Carbono

CO

39

1200

Gás Cloro

Cl2

0,8

10

Sulfeto de Hidrogênio[2]

H2S

8

100

Óxido Nítrico

NO

20

100

Dióxido de Enxofre

SO2

4

100

 

Efeitos dos gases à exposição humana

Alguns gases como o sulfeto de hidrogênio, quando liberados em pequenas quantidades tem cheiro de ovos podres, porém o monóxido de carbono não tem cheiro algum. Pelo fato de ser incolor, sem cheiro, altamente tóxico e presente em muitas plantas industriais, no mundo todo o monóxido de carbono tem o título de assassino silencioso. Abaixo foi criada uma tabela que apresenta os efeitos da exposição ao monóxido de carbono e outra para os efeitos da exposição ao sulfeto de hidrogênio (gás sulfídrico) em um indivíduo.

 

Efeitos da Exposição ao Monóxido de Carbono (CO)

Concentração (ppm)

Tempo

(horas)

Efeitos e Sintomas

35

8

Exposição Permitida

200

3

Leve dor de cabeça, desconforto respiratório.

400 a 600

1 a 2

Leve dor de cabeça, desconforto respiratório, náusea e tontura.

600 a 800

1

Tontura, Náusea e Convulsão.

800 a 2000

½ a 2

Confusão Mental,

Leve palpitação, inconsciência em alguns minutos.

2000 a 2500

½

Perda Imediata da consciência

4000

1

Fatal

Os sintomas podem variar bastante entre um indivíduo e outro

 

Efeitos da Exposição ao Gás Sulfídrico (H2S)

Concentração (ppm)

Tempo

(horas)

Efeitos e Sintomas

10

8

Nível de exposição permitida

50 a 200

1

Irritação grave do trato respiratório, Irritação nos olhos / conjuntivite aguda, convulsões e morte, em casos graves. Pode causar problemas digestivos e perda de apetite.Tosse, irritação nos olhos, perda do olfato após 2-15 minutos (fadiga olfatória). Respiração alterada, sonolência após 15-30 minutos. Irritação da garganta depois de 1 hora. Aumento gradual da gravidade dos sintomas durante várias horas.

500 a 700

½ a 1

Andar cambaleante, colapso em 5 minutos. Sérios danos aos olhos em 30 minutos. Morte após 30-60 minutos.

700 a 1000

Inconsciência rápida, colapso imediato após 1 ou 2 ciclos de respiração, parada respiratória, morte em poucos minutos.

>1000

Minutos

Morte quase instantânea
Dados acessados no portal da Ocupacional Afeta Health and. Afeta (OSHA),Disponível em: <https://www.osha.gov/SLTC/hydrogensulfide/hazards.html>.Acessado em: 19/07/2013

 


[1] Jornada de trabalho de até 48 horas/semana

[2] Também conhecido como gás sulfídrico, ou ainda gás ácido